Einstein amava Schopenhauer

Einstein amava Schopenhauer, conta Armin Hermann na biografia do cientista.

Ele diz que Einstein passava horas se deleitando com os livros do filósofo e partilhava de grande parte de suas idéias.
Consta que um dos livros preferidos de Einstein era esse: O LIVRE-ARBÍTRIO ❤️

Nesse livro Schopenhauer nos conta porque não acredita no livre-arbítrio e explica sua teoria.

Einstein sempre citava uma frase desse livro, que diz assim:

“O homem pode fazer o que ele quer, mas não pode querer o que ele quer.”

E completava: “essas palavras de Schopenhauer me acompanham em todas as situações em toda a minha vida e reconciliam-me com as ações dos outros, mesmo que seja bastante doloroso para mim. Esta consciência da falta de livre-arbítrio me impede de levar eu e os meus colegas homens muito a sério pelas ações e decisões como indivíduos, e de perder a paciência.”

Bora lá ?

livre arbitrio_schoppenhauer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s